Rock in Rio cria aroma próprio e promete deixar 700 mil pessoas cheirosas

Itaici Brunetti

Por

Atualizado em 13/09/2017

Público no Rock in Rio na sexta (25)

(Foto: I Hate Flash/ divulgação) Rock in Rio 2015

Leia mais

Sabe aqueles cheiros desagradáveis que fazem parte de festivais: muitas pessoas juntas, suadas, com o desodorante vencido e o da cerveja jogada no chão? Já era! O Rock in Rio, que começa nesta sexta, 15, na Cidade do Rock, no Rio de Janeiro, pensou em uma solução para acabar com esse mal estar e criou o Rock Scent, um aromatizador próprio de ambientes que promete deixar as 700 mil pessoas que passarão pelo festival cheirosas.

O Rock Scent é uma invenção conjunta do Rock in Rio com a Básico Aroma, empresa especializada em marketing olfativo. O aroma criado é uma combinação de diferentes elementos que representam os atributos do festival inspirado na aromaterapia. A escolha da essência foi de juntar elementos que reproduzissem sensações que remetessem ao amor, felicidade, celebração e paz (como o sândalo, lavandin abrialis, flor de cerejeira e o floral transparente). E também elementos que promovessem o relaxamento, purificação e autoestima (como o sândalo, tangerina, mandarina, lírio, cedro e madeira), além de um toque de Almíscar – uma essência afrodisíaca que promete auxiliar na busca da realização e do sucesso.

Na Cidade do Rock, o aroma estará presente em pontos estratégicos do evento, como nos portões de entrada e saída do evento, nos banheiros e até mesmo no meio do público durante os intervalos dos shows do Palco Mundo.

E, para quem gostar e quiser levar o aroma para casa o frasco do Rock Scent estará à venda na loja de produtos oficiais do evento por R$ 85.

Rock In Rio 2017

1 de 33
Compartilhe Twitter Google +

Pet Shop Boys - Dia 15

(Palco Mundo) - Neil Frances Tennant e Christopher Sean Lowe vão transformar o Rock In Rio em uma enorme pista de dança oitentista/noventista com sua dance music. Não queremos ver ninguém parado, tá?

Créditos: Divulgação

5 Seconds of Summer - Dia 15

(Palco Mundo) - Os rapazes australianos são novatos, mas tem cacife para levantar uma multidão. Os hits 'Amnesia' e 'She Looks So Perfect' provam isso.

Créditos: Divulgação

Ivete Sangalo - Dia 15

(Palco Mundo) - Veveta é quase uma propriedade do Rock In Rio. Sem ela no festival, não tem festa.

Créditos: Divulgação

Maroon 5 - Dias 15 e 16

(Palco Mundo) - Adam Levine vem aí. E com ele sua gangue cheia de hits radiofônicos. Têm tudo a ver com o sabadão.

Créditos: Divulgação

Fergie - Dia 16

(Palco Mundo) - Dona de Grammys, eleita 'Mulher do Ano' e integrante do Black Eyed Peas. Essa mulher é muito poderosa e você não pode estar em outro lugar que não seja no show dela no momento.

Créditos: Divulgação

Shawn Mendes - Dia 16

(Palco Mundo) - O canadense tem apenas 18 anos e não sai das paradas da Billboard. É sua primeira vez no Brasil e já está deixando o(a)s fãs enlouquecido(a)s com sua vinda. Pop na melhor qualidade.

Créditos: Divulgação

Skank - Dia 16

(Palco Mundo) - Skank é Skank! É 'Partida de Futebol' e 'Garota Nacional'. Ou seja, vai ser showzão!

Créditos: Divulgação

Justin Timberlake - Dia 17

(Palco Mundo) - Justin Timberlake volta com seu charme e rebolado ao Rock In Rio e vai fazer todo mundo dançar. Você dúvida?

Créditos: Divulgação

Alicia Keys - Dia 17

(Palco Mundo) - A Princesa do Soul vem mostrar com quantos hits, Grammys e milhões de álbuns vendidos se faz uma grande artista. Apresentação sofisticada e de bom gosto para apreciar sem moderação.

Créditos: Divulgação

Walk The Moon - Dia 17

(Palco Mundo) - O nome da banda é inspirado em uma música do 'The Police', então deve ser bonzão o som dos caras.

Créditos: Divulgação

Frejat - Dia 17

(Palco Mundo) - Frejat fez parte da formação original do Barão Vermelho, banda na qual ingressou aos 19 anos - onde permaneceu até 2016 - e com quem lançou 17 álbuns. O guitarrista também se destaca como produtor musical e compositor de trilhas sonoras. Ao longo da vida, no Barão ou em voos solos, Frejat lançou cinco discos autorais.

Créditos: Divulgação

Nile Rodgers - Dia 17

(Palco Sunset) - Rodgers tem uma trajetória bem-sucedida e é considerado um dos mais importantes produtores e arranjadores em atividade, responsável por assinar e participar de sucessos importantes nas carreiras de gente como David Bowie, Madonna, Diana Ross, INXS, Duran Duran, Daft Punk, entre outros.

Créditos: Divulgação

Aerosmith - Dia 21

(Palco Mundo) - Stevel Tyler & Cia é uma máquina de fazer hits, daqueles que vão do rock and roll ao hit meloso de rádio. Show para cantar agarradinho com seu crush.

Créditos: Divulgação

Def Lepard - Dia 21

(Palco Mundo) - Hard rock e heavy metal com vocais harmônicos e dedilhados misturados a riffs de guitarras cheios de efeito são características do som de Def Leppard, uma das principais bandas do movimento New Wave of British Heavy Metal.

Créditos: Divulgação

Fall Out Boy - Dia 21

(Palco Mundo) - A banda teve início em 2001, em Illinois, nos Estados Unidos. É um fenômeno de público e acumula números astronômicos de vendas e visualizações.

Créditos: Divulgação

Scalene - Dia 21

(Palco Mundo) - Os brasilienses estreiam no festival com álbum novo, que deve sair ainda este ano.

Créditos: Divulgação

Alice Cooper - Dia 21

(Palco Sunset) - O Mestre do Horror vai tocar no palco 'menor', mas isso não é problema para o 'Sr. No More Mr. Nice Guy', que promete deixar o público de cabelo em pé.

Créditos: Divulgação

The Kills - Dia 21

(Palco Sunset) - O duo norte-americano trará suas músicas sujas e dançantes à Cidade do Rock. Só a presença da musa Alison Mosshart já vale assistir ao show na grade.

Créditos: Divulgação

Bon Jovi - Dia 22

(Palco Mundo) - Bon Jovi é daqueles shows que você canta todos os refrões e sai rouco. Não tem uma música que passe despercebida.

Créditos: Divulgação

Tears For Fears - Dia 22

(Palco Mundo) - A dupla Roland Orzabal (voz e guitarra) e Curt Smith (voz e baixo) se formou em Bath, Reino Unido, em 1981, e é uma das poucas bandas que se mantém ativas desde então. Nos anos 80, Tears For Fears lançou três álbuns que conectaram Pop, New Wave e Rock. Suas músicas, como Shout, Head Over Heels, Pale Shelter, Sowing the seeds of love e Mad World viraram hinos. Os álbuns do duo venderam dezenas de milhões de cópias e seus hits já foram reinterpretados diversas vezes.

Créditos: Divulgação

Alter Bridge - Dia 22

(Palco Mundo) - Formada por ex-integrantes do Creed e Mayfield Four, a banda é composta por Mark Tremonti (vocal/guitarra), Scott Phillips (bateria), Brian Marshall (baixo) e Myles Kennedy (vocal). A banda já se apresentou desde em pequenos clubes até em grandes arenas e festivais lotados.

Créditos: Divulgação

Jota Quest - Dia 22

(Palco Mundo) - Mais de 20 anos de estrada, 12 discos lançados e um sucesso atrás do outro nas rádios. Com esse currículo invejável, o Jota Quest volta a tocar no Rock in Rio, tendo já participado das edições de 2011 e 2013. A banda abre a noite do dia 22 de setembro, prometendo tocar as novidades e boa parte de seus grandes hits. Seu CD mais recente, Pancadélico, lançado ano passado, contou com a produção do americano Jerry Barnes (que já havia produzido o CD anterior da banda). O trabalho conta ainda com a participação luxuosa de Nile Rodgers, guitarrista fundador da banda Chic e colaborador da dupla Daft Punk.

Créditos: Divulgação

Ney Matogrosso + Nação Zumbi - Dia 22

(Palco Sunset) - Este promete ser um momento grandioso do festival. Com mais de 40 anos de carreira, Ney Matogrosso é reconhecido por sua voz marcante, movimentos cheios de personalidades e figurinos extravagantes. Já a Nação Zumbi é expoente do movimento manguebit, que mistura rock, hip hop e música eletrônica ao ritmo nordestino, a banda Nação Zumbi foi criada nos anos 90, em Recife.

Créditos: Divulgação

Guns N' Roses - Dia 23

(Palco Mundo) - A carreira de sucesso do grupo começou em 1985, com o primeiro álbum lançado dois anos depois. Appetite For Destruction caiu como uma bomba nas paradas de sucesso e catapultou a banda para o estrelato como a estreia mais vendida dos Estados Unidos e com 30 milhões de cópias vendidas em todo o mundo. Em 1991, os álbuns Use You Illusion I e Use Your Illusion II ganhou sete vezes o disco de platina e ocupou os dois primeiros lugares do Top 200 da Billboard. Foi neste mesmo ano que a banda se apresentou pela primeira vez no Rock in Rio, em um show histórico realizado no Maracanã. Na última década, o Guns N'Roses fez shows e festivais mundialmente famosos após o lançamento de Chinese Democracy, disco aclamado pela crítica em 2008. A banda é considerada uma das mais importantes e influentes na história da música.

Créditos: Divulgação

The Who - Dia 23

(Palco Mundo) - A furiosa e lendária banda inglesa, precursora das sonoridades punks, defensora e integrante do ideário mod, entre tantas outras façanhas, finalmente virá ao Brasil e tocará ao vivo no palco do Rock in Rio. Formada em 1964, a banda extrapolou o R&B convencional, desafiou os padrões da música e redefiniu o que era possível no palco, nos estúdios de gravação e no vinil. 'I Can not Explain' foi o primeiro single do The Who e rapidamente alcançou o Top 10 britânico. Em 1965, "My Generation", com seu refrão "I hope I die before I get old" tornou-se o grito de toda a geração.

Créditos: Divulgação

Incubus - Dia 23

(Palco Mundo) - Formada em 1991, a Incubus já vendeu mais de 18 milhões de cópias em todo o mundo. Quatro de suas canções chegaram ao #1 da Billboard Alternative Songs, incluindo "Drive" (2000, também no Top 10 Pop), "Megalomaniac" (2003), "Anna-Molly" (2006) e "Love Hurts" 2008). O oitavo álbum de estúdio deles, intitulado "8", foi co-produzido por Skrillex e deve ser lançado ainda em 2017.

Créditos: Divulgação

Titãs - Dia 23

(Palco Mundo) - A banda, que já esteve no festival em 1991, 2011, 2012 e 2015 levará, nesta edição, seu repertório inesgotável com a nova formação: Branco Mello (voz e baixo), Sergio Britto (voz, teclado e baixo), Tony Bellotto (guitarra), Beto Lee (guitarra) e Mário Fabre (bateria).

Créditos: Divulgação

Ceelo Green - Dia 23

(Palco Sunset) - CeeLo Green ficou conhecido nos anos 90 como membro do grupo de R&B, Goodie Mob, mas deslanchou internacionalmente com o hit "Crazy" (2006), como parte do duo Gnarls Barkley.

Créditos: Divulgação

Red Hot Chili Peppers - Dia 24

(Palco Mundo) - 'Under The Bridge', 'Californication', 'By The Way', 'Dani California' e outros hits fazem parte do set-list dos Peppers. Ou seja, já é motivo para não perder o show deles. Quem já viu, quer rever.

Créditos: Divulgação

The Offspring - Dia 24

(Palco Mundo) - O pop punk noventista anda vivo e muito bem. O Offspring toca pela segunda vez no Rock In Rio.

Créditos: Divulgação

30 Seconds to Mars - Dia 24

(Palco Mundo) - O grupo de Jared Leto volta ao festival e promete abalar as estruturas. Será que o ator vai repetir a cena da tirolesa?

Créditos: Divulgação

Sepultura - Dia 24

(Palco Sunset) - A maior banda de metal nacional é 'véia' de guerra no Rock In Rio, já tocaram inúmeras vezes. Agora apresentam o novo álbum 'Machine Messiah'.

Créditos: Divulgação

Capital Inicial - Dia 24

(Palco Mundo) - O grupo de Dinho Ouro Preto é outro que é sócio de carteirinha do festival. Esta é a quinta edição que eles se apresentam.

Créditos: Divulgação

Sugerir correção

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários